• Fernando Fontana

Festival Literário Dellarte

Um Bate Papo sobre como escrever e publicar livros no atual cenário de nosso país

Entre os dias 12 e 17 de agosto ocorreu na Biblioteca Municipal de Catanduva, o FLID - Festival Literário Dellarte.


Com entrada gratuita, o festival tem como objetivo incentivar a leitura e a formação de novos escritores.


Rafael Back, ator, diretor e idealizador do Festival, foi apresentador e entrevistador.


No dia 13, três jovens autores falaram sobre a experiência de publicar seu primeiro livro, assim como as dificuldades para entrar no mercado literário e os sonhos para a futura carreira de escritor.


Isabela Bistafa, querida ex aluna no curso de Psicologia apresentou seu romance "O Jogo", que ela começou a escrever em 2014 e concluiu apenas em 2017, finalmente o publicando em 2019 pela Viseu (editora pela qual eu também publiquei meu romance).

Jovens autores contam sobre seus livros

Em 2017, Isabela estava na plateia do FLID, agora retorna como escritora.


João José Braga nos trouxe "Poesias de um Garoto Qualquer", levando experiências do seu dia a dia para o papel, especialidade dos poetas.


E, finalmente, a jovem Bianca Brighenti, que com apenas 15 anos publicou "Manhãs Esquecidas", baseado na convivência com sua avó, vítima de Alzheimer.

Impressionante a maturidade desta menina e é impossível não acreditar em seu potencial.

"Existem muitos péssimos médicos por aí, que teriam sido excelentes professores de matemática, se tivessem escolhido por vocação e não pelo status"

No dia 14, eu, Rafael e Marcelo de Fazzio, autor da trilogia "A Casa dos Esquecidos", pudemos falar sobre nossos livros, ao mesmo tempo em que nos permitimos uma breve reflexão sobre o que é felicidade, a ilusão das redes sociais e os personagens que criamos nos livros e fora deles.


Uma conversa que valeu muito a pena.


Já no dia 15, tive o prazer de entrevistar, junto com Rafael, meu amigo, Sid Castro, responsável pelas ilustrações de meu livro "Procura-se Elvis Vivo ou Morto" e pela adaptação de meu conto para o roteiro da Graphic Novel "O Triste Destino da Namorada do Ultra-Homem"


Sid começou sua carreira como quadrinista e já escreveu diversos contos, ganhando prêmios e tendo um deles publicado em uma coletânea na França. Atualmente possui uma coluna no Jornal "O Regional", onde fala sobre assuntos do mundo Geek em geral, além de trabalhar como diagramador, ilustrador e escritor.


Durante os três dias em que compareci no Festival pude conversar com pessoas interessadas em livros e quadrinhos, ouvir suas histórias e dividir experiências.


Para o ano que vem, ficou no ar a possibilidade da realização de um Festival de Quadrinhos.


Quem sabe?

6 visualizações

Facebook

  • Facebook Social Icon

© 2019 por FERNANDO FONTANA Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now