• Fernando Fontana

Quem vocês querem enganar?

Notas de um Velho Tapado - Capítulo IV









Entrei em uma dessas cafeterias modernas, chiques, importadas dos Estados Unidos. Uma dúzia de bebidas diferentes, nomes esquisitos, todas custando o olho da cara, e tudo o que eu queria era um simples expresso, sem frescura, porque nem só de cerveja vive um homem.


A atendente não foi das mais simpáticas, acho que percebeu que eu não pertencia aquele lugar, mas eu consegui o que queria e fui me sentar. Enquanto tomava o café, observei ao meu redor, a maioria das pessoas estava com a cara enfiada no celular, em seu exibicionismo virtual.


Eu não entendo, quando foi que essa merda virou moda? Houve uma época em que as pessoas tinham diários e os trancavam em gavetas, protegidos da curiosidade alheia, porque não queriam que desconhecidos fuçassem em seus segredos mais íntimos, agora, privacidade virou pecado mortal, o pecado da inexistência.


O sujeito na minha frente ajeita cuidadosamente um copo de café e um misto quente, muda eles de posição algumas vezes, ajeita cuidadosamente o celular até encontrar o ângulo perfeito, sorri, e finalmente registra o momento.


Se alguém tomou café da manhã, mas ninguém viu, essa pessoa realmente tomou café da manhã?


O café está esfriando, seu idiota!


O sorriso desapareceu em um piscar de olhos, está gravado nas redes sociais, esperando a aprovação de 3.000 amigos.


Porra, ninguém tem 3.000 amigos, a não ser que tenham mudado a definição da palavra e agora ela também inclua completos desconhecidos com os quais você nunca conversou.


Quem estão querendo enganar? Essa não é a vida de vocês, é ficção, fantasia, um apanhado dos melhores momentos misturados com alguns ruins escolhidos a dedo para dar impressão de que é real, mas ao mesmo tempo não quebrar a magia. Nunca vi alguém dizer que broxou nas redes sociais, na internet ninguém precisa de comprimidos azuis.


Cristo, por que acham que os consultórios estão lotados, psicólogos e psiquiatras sem horário e a indústria farmacêutica rindo à toa?


Vocês vêem aquele comercial de margarina que eles chamam de vida, viagens, filmes vistos, livros lidos, citações, comentários ácidos, e ficam deprimidos, porque vocês não sabem se aquilo é real, mas tem certeza de que as suas fotos e o seu comercial é falso, e que você não chega nem perto de ser feliz.


Um médico manco e ranzinza me disse certa vez que todos mentem, e ele ainda não conhecia o Facebook.


Termino meu café e saio, ninguém repara em mim, ser invisível tem suas vantagens.

------------------------------------------------------------------------


Este velho não possui ensino superior, não acumulou conhecimento ou sabedoria que lhe credencie a dar conselhos; escreve não porque seja bom escritor ou porque queira, mas porque precisa, porque é o vício mais difícil de largar.




10 visualizações

Facebook

  • Facebook Social Icon

© 2019 por FERNANDO FONTANA Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now